ROLHA INTELIGENTE

8 de Novembro de 2015

0003CA020DA247A VERDADE NA CORTIÇA

Ricardo Gonçalves, aluno de doutoramento do Departamento de Engenharia Eletrónica, Telecomunicações e Informática, da Universidade de Aveiro, está a desenvolver uma rolha de cortiça que integra um chip que será capaz de dar informações completas sobre o vinho. Por exemplo, a data em que foi produzido e engarrafado e mesmo as temperaturas a que esteve sujeito. Ainda não passa de um protótipo, mas pode vir a ser comercializado.

À primeira vista pode parecer uma vulgar rolha de cortiça, mas desenganem-se os mais distraídos. Desenvolvida na Universidade de Aveiro (UA), esta rolha vai permitir, no futuro, através de um normal telemóvel ou computador, receber informações sobre o vinho que o pequeno cilindro de cortiça protege. O nome da bebida, os números de série, do lote e da produção e origem da bebida são apenas alguns dos dados a que o consumidor poderá ter acesso com um simples clique no telemóvel. O segredo da rolha, pensada especialmente para vinhos e espumantes, reside no interior, na cortiça, onde se descobre um circuito eletrónico e uma minúscula antena que difunde depois a informação para os consumidores. O projeto da UA pretende contornar as fraudes a que os rótulos das garrafas podem estar sujeitos e assegura que o consumidor compra exatamente aquilo que quer beber. Esta inovação tecnológica serve, desde logo, como travão à falsificação de rótulos, pelo que poderá interessar aos próprios produtores, mas também aos restaurantes que, assim, se certificam de que as garrafas armazenadas que servem a um cliente estão em perfeitas condições e com os níveis de qualidade que ele espera. A perspetiva é que, dentro de algum tempo, com a integração de tecnologias “Near Fill Communications” (NFC) nos smartphones, os consumidores possam ler as informações da rolha da garrafa, sem necessidade de equipamento externo.



Categoria: Proposta

Bem vindo à Frontline

Iniciar sessão

Esqueceu-se da senha?

Criar Registo Neste Site

captcha image