CARLOS CARREIRAS

A SAÚDE DO FUTURO JÁ É PRESENTENum dos livros mais influentes do ano, 2030 – How Today’s Biggest Trends Will Collide and Reshape the Future of Everything, Mauro Guillén explora a inter-relação de tendências que já estão a mudar a nossa vida e que vão fazer do mundo um lugar muito diferente daquele que conhecemos na próxima década. Guillén, um sociólogo e economista, chama a atenção para o facto de cada vez nascerem menos bebés e de a esperança média de vida subir em todo o lado. Mas o mais espantoso é o facto de, em 2030, as pessoas com 60 ou mais anos serem o maior mercado de consumidores no planeta pela primeira vez na história. Porque a população grisalha será a maior força económica no mercado, as empresas, marcas e instituições vão ter de se adaptar a essa nova realidade. Este princípio também é válido para os governos. A saúde e os cuidados de bem-estar têm de ser o centro de novas políticas. É nesse futuro próximo que estamos a trabalhar em Cascais.  

Utilizando a melhor tecnologia disponível, o programa “Vida Cascais” inaugura uma nova era em que qualquer pessoa, mais nova ou mais velha, só precisa de uma ligação à internet para ter cuidados de saúde de padrões verdadeiramente europeus. Sem triagens. Sem filas de espera. Sem sobrecarregar o SNS. A nossa filosofia é tudo, para todos. 

SERVIÇOS AO DISPOR DA POPULAÇÃO – O “Vida Cascais” é uma plataforma de serviços que está na base do que batizámos como SL3S – Sistema Local de Saúde e Solidariedade Social. Com mais de 45 soluções de saúde, apoio social, bem-estar e envelhecimento ativo ao dispor da população, o programa terá um crescimento orgânico, será melhorado ao longo do tempo, mas arranca já com cinco medidas-bandeira. Pela sua novidade, detalho aqui algumas das medidas mais icónicas do “Vida Cascais”. 

(1) TELECONSULTAS DE MEDICINA GERAL E FAMILIAR. Ligando-se à internet, através de um tablet ou computador, no prazo máximo de 30 minutos após ter feito a marcação na Linha Cascais (800 203 186), os cascalenses beneficiam de uma consulta de clínica geral. O serviço está disponível 365 dias por ano, 24 horas por dia, e é assegurado pelo Serviço Médico Permanente. Caso o médico o determine, em função da avaliação do quadro clínico do doente, as teleconsultas podem incluir a entrega gratuita de medicamentos ao domicílio ou até mesmo o transporte em ambulância para o hospital. Mais do que um conforto para a população, mais do que os cuidados que oferece, este é um serviço que tem como efeito não intencional resgatar os nossos idosos da solidão extrema que, nalguns casos, os aflige. Mais do que uma consulta médica, esta é uma ferramenta de inclusão social, de humanidade e de amor ao próximo. 

(2) TELECONSULTAS DE PEDIATRIA. Tal como no caso anterior, também estes atos médicos são realizados à distância, mediante marcação prévia, e incluem entrega ao domicílio de medicamentos e transporte em ambulância, se determinado pelo médico. As consultas são realizadas num prazo máximo de 3 horas após marcação, 24 horas por dia, 365 dias por ano. A teleconsulta de pediatria, para além do seu valor intrínseco, é um importantíssimo apoio às famílias de Cascais com filhos pequenos – para quem os pediatras têm um papel particularmente tranquilizador. 

(3) PROJETO-PILOTO CABINE DE SAÚDE. Sendo a mais disruptiva das soluções tecnológicas que estamos a colocar ao serviço dos cidadãos, a Cabine de Saúde assemelha-se a uma cápsula espacial onde os maiores de 18 anos serão consultados por um clínico geral. A cabine corre mais de uma dúzia de exames de diagnóstico e check-up: otoscopia, estetoscopia, eletrocardiograma, dermatoscopia, rastreio visual, oxigénio no sangue, entre outros. A Cabine de Saúde é um projeto-piloto que nasce de uma parceria com a Fundação Cascais, há muitos anos um parceiro do nosso território na inovação e no desbravar de novas soluções para velhos problemas.  

(4) MÉDICO E ENFERMEIRO AO DOMICÍLIO. Os cascalenses já não precisam de subscrever um seguro de saúde para ter serviços de medicina ou enfermagem ao domicílio. O “Vida Cascais” garante-lhes isso a preços especiais sem necessidade de qualquer apólice. Consistente com o nosso objetivo de despressurizar o SNS, o serviço de médico e enfermeiro em casa será certamente um dos mais requisitados enquanto vivermos no ambiente pandémico.  

(5) PROJETO “BaATA BRANCA”. Tendo na Santa Casa da Misericórdia e no ACES Cascais os nossos parceiros neste projeto, pretende-se criar uma cobertura universal de médico de família para a população de Cascais. Para esse efeito, a Câmara de Cascais adquiriu e remodelou um edifício que servirá de sede ao “Bata Branca”. 

Está à vista o potencial transformador do “Vida Cascais”. Gostamos de ser um território-laboratório. Gostamos do novo. Não somos resistentes à mudança. Abraçamos a tecnologia. Sabemos que, não raras vezes, pagamos um preço por irmos à frente a desbravar caminho. Mas estamos dispostos a pagar esse preço porque aprendemos com os erros e partilhamo-los para que outros, depois de nós, não se percam por onde nós já passámos. Até porque 2030 é já amanhã.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *