Toyota Proace e Proace City

COM A CRESCENTE PROCURA por soluções eletrificadas nas mais variadas categorias e segmentos, a Toyota voltou-se para o mundo dos comerciais e adicionou versões totalmente elétricas à gama Proace e Proace City, tanto nas configurações mais vocacionadas para o transporte de carga, como nas mais destinadas ao transporte de passageiros, designadas por Verso. Este tipo de solução começa a ser uma opção cada vez mais adequada à maioria dos gestores de frota, especialmente para as viaturas que costumam andar pela cidade em entregas de encomendas, por exemplo, um serviço que tem crescido de uma forma incrível nos últimos anos.

Para estas novas versões, a Toyota escolheu a motorização com 136 cavalos de potência e 260 Nm de binário, que usa três modos de condução para permitir uma utilização mais ecológica, uma mais convencional e outra em que a potência máxima fica disponível a 100%, mas com uma redução em termos de distância percorrida, uma vez que o gasto de energia é superior. No que diz respeito a este ponto, o Proace City conta apenas com uma bateria de 50 kWh, o que se traduz numa autonomia máxima entre os 264 e os 279 quilómetros. Já o Proace oferece dois sistemas em opção, o de 50 kWh e também uma versão maior de 75 kWh. O resultado é uma autonomia que pode variar entre os 216 e os 226 quilómetros, ou, na versão com mais capacidade, entre os 312 e os 318 quilómetros. E para carregar ambas, de preferência com um carregador rápido com uma potência em torno dos 100 kW, o tempo necessário varia entre os 32 e os 48 minutos. O que é comum aos dois sistemas é a garantia de oito anos ou 160 mil quilómetros para as baterias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.