ARTE E CULTURA – GISELA AMARÍLIS

FRONTLINE AWARDS 2020 – Resultado da nossa experiência, das entrevistas realizadas, do trabalho desenvolvido e das pessoas que se cruzaram connosco durante este ano, este prestigiado galardão distingue todos aqueles que para nós, se evidenciaram nas mais diversas áreas.

GISELA AMARÍLIS nasceu em 1959 no Porto. Mulher do Norte, provém de uma família natural da região do Douro, onde passou a maior parte da sua infância. Frequentou a Escola Superior de Belas-Artes da Universidade do Porto e, desde 2016, tem realizado várias exposições sobre o Douro em galerias, museus e centros culturais. O objetivo da artista é obrigar-nos a refletir uma pintura que possui sem ter, que pertence sem se impor. Na serra, por entre os vales de socalcos, espreita o azul dourado do rio. Visitamos vilas e aldeias; perdemo-nos no amarelo e verde da primavera ao ocre do outono. Quase ouvimos o ranger dos cestos sob o peso das uvas, o podar das vinhas, o cantar das vindimas e o bater dos sinos das igrejas. Sentimos o cheiro dos enchidos fumados e o aroma dos vinhos; o gosto das laranjas, do azeite, do vinho verde e da doçaria tradicional. Por pouco nos deixamos atropelar pelas juntas de bois a puxar os barcos rabelos. É uma pintura de realidades fragmentadas pelos múltiplos sentidos que vinga a história de uma família nortenha, de uma região com um vasto património cultural. Vinga o esforço, a valentia, a simplicidade e generosidade genuínos de um povo; um povo que transmite o que lhe vai na alma, que pertence a si próprio e, por isso, de uma liberdade magnífica.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *