ACADEMIA PORTUGUESA DE CINEMA

OS PRÉMIOS NICO atribuídos pela Academia Portuguesa de Cinema distinguiu três jovens talentos do cinema nacional. São eles Maria Abreu, atriz protagonista do filme “Tristeza e Alegria na Vida das Girafas”, João Nunes Monteiro, ator protagonista do filme “Mosquito” e ainda o realizador Gonçalo Almeida, que estreou recentemente a sua primeira longa-metragem “Faz-me Companhia”.  Segundo o Presidente da Academia, Paulo Trancoso, “os vencedores desta edição são jovens promessas que nos fazem acreditar que o cinema português tem futuro e ficará bem entregue.”

Este ano, os troféus serão atribuídos aos vencedores na cerimónia de entrega dos Prémios Sophia 2020, que terá lugar a 17 de setembro, no Casino do Estoril. Cada um dos três jovens receberá ainda um prémio monetário de mil euros, para o qual conta com o apoio da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.

Recorde-se que em 2019 foram distinguidos com os Prémios NICO a atriz Alba Baptista, o ator Francisco Froes e o realizador António Pinhão Botelho.

Sobre os Prémios NICO – Os Prémios NICO, assim designados em homenagem ao ator e realizador Nicolau Breyner, têm por objetivo reconhecer e incentivar novos talentos de profissionais cujo trabalho se destaque numa atividade relacionada com o cinema português.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *