NOVAS APOSTAS

22 de Junho de 2018

A décima geração do modelo icónico da Honda está a dar cartas no mundo automóvel. Com a introdução da novidade a diesel, a gama fica completa.

O Honda Civic foi redesenhado e recriado para ser conduzido, mas também para se adaptar às necessidades dos condutores. O objetivo da marca é que o automóvel corresponda às características de um automóvel familiar.Concebido tendo em conta o seu desempenho, neste modelo todos os elementos fluem, de modo a proporcionar uma experiência de condução ímpar.Pensado para quem não abdica do diesel, o novo modelo do icónico Honda Civic parece não apresentar nada de novo para além do bloco turbodiesel, uma evolução do excelente propulsor 1.6 litros turbodiesel já conhecido de anteriores gerações. Contudo, o Civic tem uma plataforma totalmente nova.O novo modelo consumiu tempo e a maioria dos recursos destinados à pesquisa e desenvolvimento. Desta forma, o motor Earth Dreams do Civic manteve os 120 cv e os 300 Nm de binário às 2000 rpm, sendo todo feito em alumínio. Sem recurso a AdBlue, mas com melhorias na conversão do oxido de azoto N x , os engenheiros da Honda reclamam, já ao abrigo das novas regras de medição de consumos e emissões poluentes, um consumo de 3,5 l/100 km e 93 g/km de CO2. O turbo foi revisto, a injeção também e, no final das contas, a Honda realizou mais um excelente trabalho.Para acompanhar as alterações ao motor, a marca apostou na melhoria da caixa de velocidades uma caixa automática de nove velocidades.A marca atesta que o novo motor cumpre com as normas antipoluição Euro6D, testes WLTP e RDE. Não usa AdBlue, é económico e é cómodo, pois o trabalho feito na redução nas vibrações e do nível de ruído interior foi intenso e proveitoso.Em termos de design, é de referir o esforço feito pela Honda para se afastar um pouco do estilo nave espacial, apostando em algo mais conservador.

GAMA DISPONÍVEL

A gama do Civic diesel, para já, não tem a versão Sedan de quatro portas (já disponível como motor 1.5 Turbo com 180cv e distingue-se em redor de quatro níveis de equipamento Comfort (com o Honda Sensing, conectividade, ar condicionado automático e jantes de liga leve de 16 polegadas) , Elegance Navi (acrescenta a conectividade com sistema de navegação, câmara traseira, faróis de nevoeiro e jantes de liga leve de 17 polegadas) , Executive (com teto de abrir panorâmico, suspensão adaptativa, sistema de aviso do ângulo morto, full LED e áudio premium) e Executive Premium (adiciona bancos em pele e carregamento sem fios do smartphone).



Categoria: Motores, Sem categoria

Bem vindo à Frontline

Iniciar sessão

Esqueceu-se da senha?

Criar Registo Neste Site

captcha image