TUNA DIVE TOURS

10 de Julho de 2015

2014-06-28 15.49.33EM ÁGUAS PROFUNDAS

O porto de Olhão conta com uma empresa de turismo náutico única em Portugal. A Tuna Dive Tours oferece aos praticantes de mergulho a possibilidade de o fazerem em mar alto, no meio de cardumes de atuns. Mergulhe nesta aventura e desfrute.

A possibilidade de mergulhar em armações de pesca em mar alto não é algo novo, sendo uma atividade que existe já em várias partes do mundo. Contudo, é uma novidade em Portugal que está a atrair cada vez mais mergulhadores e, por isso, está a tornar-se num novo produto turístico. Mas esta atividade tem servido também para desmistificar a ideia “predatória” muitas vezes associada a tal sistema de pesca. Aproveitando a armação da Tunipex – empresa de pesca de tunídeos –, localizada a 2,5 milhas náuticas da costa algarvia, a uma profundidade que varia entre os 20 e os 60 metros, a Tuna Dive Tours, para além de proporcionar momentos de pura diversão, dá a conhecer as práticas de pesca sustentada que são apanágio daquela empresa. Na armação, existe um complexo labiríntico de redes que conduz o peixe até uma espécie de piscina (copo), onde é feita a estabulação, isto é, a engorda, de atum e corvina. Uma vez que o peixe capturado é todo selvagem, o termo aquacultura não se aplica diretamente: o que a Tunipex faz, na verdade, é alimentar o pescado até que tenha o peso desejável para que depois possa ser exportado, maioritariamente para a China. O atum-rabilho não é um animal agressivo, pelo contrário, é um peixe envergonhado e fugidio. Por isso, a possibilidade de nadar num cardume é uma experiência quase irrecusável para qualquer amante do mar, e para que tal possa acontecer, a Tuna Dive Tours aproveita a rota de migração do atum que entra no Mediterrâneo para desovar e depois regressa ao Atlântico.

Momentos inesquecíveistdt

Os mergulhos são feitos numa área da armação, que pode ser comparada a uma piscina pequena, ladeada por redes corridas e com uma profundidade que pode ir até aos 25 metros, onde o peixe é estabulado. Em média, o cardume residente ronda os 60 atuns. Como o atum não é agressivo, não são necessárias jaulas de proteção para o mergulhador, o que torna tudo muito mais real e faz subir a adrenalina automaticamente. Os atuns não estão em sofrimento e também não sofrem qualquer tipo de carga negativa com os mergulhos, nem durante a sua estabulação. Enquanto espécie estabulada, o atum não vive mal, se é que podemos colocar a questão desta forma. Além disso, é perfeitamente compatível com outras espécies – não ataca corvinas, nem ratões (uma espécie de raia que também é explorada pela Tunipex). Há ainda que referir que a empresa liberta todas as espécies que captura e com as quais não trabalha.

Requisitos necessários

Uma vez que os mergulhos são feitos a uma profundidade considerável, a aventura está aberta apenas a mergulhadores certificados, porém, uma vez que existe cada vez mais interesse por parte do público em geral, a empresa está também a apostar nos batismos de mergulho, ou nos mergulhos em apneia (com recurso a snorkeling). Mas nesta vertente não é possível garantir uma boa visão do atum, pois não sendo um peixe curioso, não tem qualquer interesse no ser humano, o mais provável é afastar-se para profundidades maiores. O barco demora cerca de 20 minutos a chegar e mais 5 minutos para a abordagem da armação. O mergulho dura em média 30 a 40 minutos, que é a capacidade das botijas de ar. Para todos os efeitos, o mergulho é feito em mar aberto, mas numa área confinada, o que requer alguns cuidados de segurança e, por isso, os mergulhadores são sempre acompanhados por divemasters da Tuna Dive Tours.

2014-06-28 15.56.18Aspetos a ter em conta

Fatores como as correntes e a temperatura da água influenciam a visibilidade do mergulho, assim, o ideal é mergulhar em dias sem vento. Em termos operacionais, a Tuna Dive Tours acompanha o ritmo da empresa de pesca. As redes da armação são montadas nos meses de abril ou maio e desmontadas em outubro, período que também coincide com a época alta do Algarve. No futuro, a ideia da Tuna Dive Tours é funcionar em parceria com escolas e centros de mergulho, fazendo duas saídas diárias.



Categoria: Proposta

Bem vindo à Frontline

Iniciar sessão

Esqueceu-se da senha?

Criar Registo Neste Site

captcha image