PEUGEOT 208

9 de Maio de 2012

UM SALTO DE GERAÇÃO

Para imaginar um automóvel capaz de seduzir e fidelizar os mais variados clientes, cujas expetativas se encontram em profunda mutação, não basta uma simples renovação. Por isso, o projeto “A9” dotou-se, desde a sua génese, do mais ambicioso caderno de encargos jamais utilizado pela Peugeot para realizar um automóvel que pretende distinguir-se por completo no seu segmento e que marca um verdadeiro salto de geração. Assim, a Peugeot não hesitou em agitar princípios, com a vontade de reinventar os códigos que estiveram na base do sucesso das estrelas 205, 206, 207, e de os “regenerar” para criar o Peugeot 208. Esta nova aposta da marca apresenta algumas alterações que merecem destaque. Falamos da diminuição das emissões de CO2, de uma aerodinâmica melhorada e de nova geração de motorizações de três cilindros a gasolina. Estes últimos, tal como os motores e-HDi, apoiam-se nos conhecimentos e na inovação tecnológica do grupo em matéria de motorizações. Todas estas evoluções permitem atingir uma redução de emissões de CO2 de 46 g/km, comparativamente com o 207 com motor a gasolina de entrada de gama, e uma redução média de 34 g/km. Dotado de um posto de condução integralmente repensado, o 208 transforma realmente o quotidiano do condutor e dos ocupantes. Entre outros, regista-se o lançamento de um novo equipamento, o “Park Assist”, que quando deteta um lugar de estacionamento, manobra a direção de modo a estacionar automaticamente o automóvel. (…)



Categoria: On The Road

Bem vindo à Frontline

Iniciar sessão

Esqueceu-se da senha?

Criar Registo Neste Site

captcha image