“COZINHA COM ALMA” EM CASCAIS

21 de Outubro de 2019

CARLOS CARREIRAS, PRESIDENTE DA Câmara Municipal de Cascais – inaugurou, no passado dia 18 de outubro, o novo armazém da Cozinha com Alma, num evento que contou com a presença de voluntários, parceiros, e outros amigos desta IPSS do Concelho de Cascais. O novo armazém vai permitir uma maior eficiência em termos de utilização do espaço e incremento da produção e, por conseguinte, apoiar mais e melhor as famílias que recorrem à ajuda da Cozinha com AlmaSegundo Cristina de Botton, fundadora e principal impulsionadora deste projeto: “Atualmente a Cozinha com Alma apoia 61 famílias num total de 157 pessoas. Estas famílias têm diariamente acesso a uma refeição completa a um preço simbólico, e a um programa de capacitação ou acompanhamento que permite que as famílias em dificuldades reencontrarem a sua independência financeira e vivam uma vida ativa e integrada.” Carlos Carreiras aproveitou para agradecer “a todos e a todas que ao longo destes sete anos têm apoiado a Cozinha com Alma”, destacando “o privilégio de Cascais possuir um conjunto de homens e de mulheres que, através de um conjunto de instituições e associações, dão um pouco de si a favor dos outros. A Cozinha com Alma constitui um dos muitos bons exemplos deste cariz, porque foi capaz de construir um império que ainda hoje continua a crescer”.

Para além do apoio alimentar, este projeto desenvolve também um programa de capacitação que trabalha a procura de emprego, a valorização pessoal e a gestão do orçamento familiar através de workshops, coaching, mentoring e outras respostas pontuais que procuram ir ao encontro das necessidades específicas de cada família. Atualmente 50% das famílias apoiadas pela Cozinha com Alma são monoparentais. Em cada 10 pessoas sete recorrem a apoio por terem rendimentos insuficientes face às suas despesas, duas por estarem em situação de desemprego e uma por razão de doença pontual. Relativamente ao escalão etário, 35% têm menos de 18 anos, 17% entre 18 e 35 anos, 40% entre os 35 e 65 anos e os remanescentes 7% mais do que 65 anos. Algumas destas pessoas com mais de 65 anos fazem parte de um agregado familiar, mas outras vivem sozinhas e não vão voltar a encontrar o seu equilíbrio financeiro. Por essa razão, lançou recentemente o “Programa Acompanhar”, um novo tipo de apoio, que tem como objectivo o combate ao isolamento e potenciar uma vida ativa e integrada, através do acompanhamento, apoio e suporte nas atividades de vida diária. Atualmente, a Cozinha com Alma ocupa dois espaços distintos no Concelho de Cascais: uma loja na Pampilheira, que comercializa refeições para o público geral e para os clientes da bolsa social – todos os clientes compram as mesmas refeições mas por valores diferentes –, e uma cozinha/escritório/armazém no Bairro do Rosário onde são produzidas diariamente 900 doses.

 A Cozinha com Alma nasceu em fevereiro de 2012, inicialmente com o objetivo de constituir uma resposta integrada a uma realidade social difícil de ser apoiada pelos recursos públicos: a “pobreza envergonhada”. Recorrendo a um modelo auto sustentável no qual o lucro obtido é aplicado numa Bolsa Social que permite apoiar famílias em dificuldades financeiras temporárias, selecionadas pela assistente social da Cozinha com Alma em parceria com a Comissão Social de Freguesia, tem vindo a afirmar-se como uma das mais importantes IPSS do Concelho de Cascais. Atualmente conta com o apoio de 22 colaboradores, 60 voluntários e 40 formadores na equipa de capacitação e disponibiliza em média 900 refeições por dia, das quais 157 são destinadas às famílias apoiadas. Desde a sua fundação em 2012 a Cozinha com Alma já apoiou mais de 300 famílias, num total de 500.000 refeições disponibilizadas.



Categoria: News

Bem vindo à Frontline

Iniciar sessão

Esqueceu-se da senha?

Criar Registo Neste Site

captcha image