ESTÁDIOS DE FUTEBOL

6 de Dezembro de 2011

COLISEU DE ROMA EM VERSÃO MODERNA

Juntam emoções, respiram história e fascinam como verdadeiras obras de arte e símbolos de arquitectura inesquecíveis. Os estádios de futebol são elementos centrais na vida arquitectónica das cidades e na história dos desportos que albergam.Verdadeiros monumentos, numa versão moderna do Coliseu de Roma.

Para cada competição internacional, por cada Mundial de Futebol, por cada edição dos Jogos Olímpicos, por cada Europeu de Futebol, existe um símbolo. Não se trata da mascote, nem da música oficial, nem do melhor jogador do mundo, mas do estádio da mítica final. E este ano, o Mundial de Futebol na África do Sul não foge à regra. O Soccer City Stadium, em Joanesburgo, construído em 1987, palco do primeiro discurso de Nelson Mandela após a sua libertação em 1990, é esse símbolo. O símbolo de uma África do Sul, em tons terra, alaranjadas, inspirado no “calabash”, um pote de cerâmica típico e semelhante a uma cabaça, foi remodelado por uma parceria entre os sul-africanos Boogertman Urban Edge and Partners e os norte-americanos Populous, responsáveis pelo desenho do estádio da Luz, em Lisboa e o estádio de Faro, ambos para o Euro 2004. O novo Soccer City tem agora 94700 lugares, 99 novos camarotes, uma cobertura para a totalidade das bancadas e novos balneários. Mas é o novo jogo de iluminação, que deixa passar a luz interior do estádio durante a noite para o exterior, que se traduz na nova imagem de marca desta beleza arquitectónica. A fachada é composta por pequenos ladrilhos de tons alaranjados, desenhando uma flor típica da África do Sul. Inspirado no Coliseu de Roma, como a maioria dos es- tádios de futebol, o Allianz Arena de Munique, construído para o último mundial 2006 na Alemanha, ameaça tornar-se um dos principais ícones do futebol moderno. A sua superfície exterior muda de cor conforme o clube que está em campo, o que lhe dá uma identidade única e permite uma sensação de familiaridade que muitos admiram. Com a sua rede de losangos de metal, o Allianz Arena tem um interior convencional mas a sua textura acolchoada fazem deste estádio uma referência no seu tecido urbano. Do es- critório suíço Herzog & de Meuron, este projecto custouna totalidade cerca de 340 milhões de euros. Hoje em dia, este estádio é a casa do Bayern de Munique e com os seus sete pisos e centros comerciais é um autêntico monumento, com parque ecológico e tudo.Tem um sistema de evacuação de emergência, que permite retirar toda a gente em cerca de 15 minutos. (…)

 



Categoria: Em Foco

Bem vindo à Frontline

Iniciar sessão

Esqueceu-se da senha?

Criar Registo Neste Site

captcha image

%d bloggers like this: