MACAU

28 de Agosto de 2011

LISBOA CELEBRA O ORIENTE

 De 18 a 23 de Junho, Lisboa encheu-se de música, cor e animação e celebrou a Semana de Macau, que teve lugar em diversos pontos da capital. Esta comemoração contou ainda com a presença no nosso país, e pela primeira vez, de Fernando Chui Sai On, o chefe do Executivo da Região Administrativa Especial de Macau.

 Macau é, desde os primeiros momentos da madrugada do dia 20 de Dezembro de 1999, uma Região Administrativa Especial da República Popular da China. Antes desta data, foi colonizada e administrada por Portugal durante mais de 400 anos, sendo considerada o primeiro entreposto e também a última colónia europeia na China. Esta administração teve início em meados do século XVI, quando Macau foi ocupada gradualmente pelos portugueses, que rapidamente trouxeram prosperidade a este pequeno pedaço de terra, tornando-o numa grande cidade e importante intermediário no comércio entre a China, a Europa e o Japão. O seu auge situa-se nos finais do século XVI e nos inícios do século XVII. Só em 1887 é que a China reconheceu oficialmente a soberania e a ocupação perpétua portuguesa sobre Macau, através do “Tratado de Amizade e Comércio Sino-Português“.Em 1967, como consequência do Motim 1-2-3, levantado pelos residentes chineses pró-comunistas de Macau, Portugal renunciou à ocupação perpétua sobre Macau e, em 1987, após intensas negociações entre Portugal e a República Popular da China, os dois países concordaram que Macau iria passar de novo à soberania chinesa no dia 20 de Dezembro de 1999. Actualmente, a região está a experimentar um grande e acelerado crescimento económico, baseado no acentuado desenvolvimento do sector do jogo e do turismo, duas actividades económicas vitais. Constituído pela península de Macau e por duas ilhas (Taipa e Coloane, que entretanto beneficiaram da ligação feita por terra por meio de um aterro, o istmo de Cotai), numa superfície total de 28,6 quilómetros quadrados, o território de Macau situa-se na costa meridional da República Popular da China, a oeste da foz do rio das Pérolas e a 60 km de Hong Kong. Tem cerca de 538 mil habitantes, sendo a esmagadora maioria de etnia chinesa Porém, Macau e Portugal continuam ainda a manter uma relação muito próxima, especialmente no que toca à cultura, pelo que não é de estranhar a realização, no passado mês de Junho, da Semana de Macau, em Lisboa. (…)



Categoria: Em Destaque

Bem vindo à Frontline

Iniciar sessão

Esqueceu-se da senha?

Criar Registo Neste Site

captcha image